Ajuda humanitária brasileira à Venezuela terá início neste sábado

O governo dará início ao envio de ajuda humanitária à Venezuela no sábado (23.fev.2019). A informação foi dada pelo porta-voz da Presidência, Otávio do Rêgo Barros, em pronunciamento nesta 6ª feira (22.fev).

“A operação tem previsão de início com as doações de entregas brasileiras e outras no dia 23 de fevereiro e se estenderá por alguns dias, sem previsão de término”, disse.

Perguntado sobre quem seriam essas “outras”, Rêgo Barros respondeu: “Nós temos, nessas cerca de 200 toneladas,  doações estrangeiras –mais especificamente, Estados Unidos”.

O auxílio a ser enviado para a Venezuela é formado por  alimentos básicos –arroz, feijão, café, leite em pó, açúcar e sal– e kits de primeiros-socorros, revela o MSN.

Caminhões venezuelanos farão a entrega

As doações serão transferidas por caminhões venezuelanos até Pacaraima. Até a noite desta 6ª feira, havia apenas 1 caminhão do país vizinho na base de Boa Vista para transportar as 200 t de alimento. De acordo com o governador de Roraima, Antonio Denarium (PSL), a expectativa era de que existisse 20 veículos de carga.  Os caminhões serão escoltados pela Polícia Rodoviária Federal.

“O limite de ação do governo brasileiro é a fronteira por questão de segurança neste comboio. Adentrando o território venezuelano, a responsabilidade é do [autoproclamado] presidente Guaidó”, disse Rêgo Barros.

Indagado se há a possibilidade de ataques, o porta-voz da Presidência disse: [A atuação do governo tem] caráter exclusivamente de ajuda humanitária. Não há interesse de quaisquer outras frentes neste momento”.

23/02/2019